Arquivo da tag: glutenfree

Quiche veggie com massa de abóbora – sem glúten

Uma receita que surgiu a partir de um reaproveitamento! Sim, essa foi criada assim….tinha um purê de abóbora cabotian (abóbora pura cozida no vapor) na geladeira, sobrando e uma vontade enorme de fazer uma quiche levinha para o jantar…..porque não experimentar uma massa de abóbora?!! E, BINGO!! deu super certo!

IMG_0988

Bem simples de fazer, enquanto a massa pré assa, você prepara o recheio, que nessa torta foi de alho poró, brócolis, queijo de cabra e ovos. Como em quase todas as receitas aqui do blog, te convido a deixar a criatividade rolar solta nas combinações….a massa é neutra, combina com todo tipo de recheio!

 

2016-03-10

Como utilizei o que tinha na geladeira, a base do recheio foi clara em neve, que deu volume e estrutura para os legumes. Ficou super leve.

2016-03-101

Então, bora para a receita!!

Quiche veggie com massa de abóbora

  • Porções: 2
  • Dificuldade: easy
  • Imprimir

Ingredientes:

Massa:

  • 1 xic. pure de abóbora cabotian orgânica
  • 1 xic. amaranto em flocos
  • 1/2 xic. amêndoas cruas
  • 1 col. sopa de sementes de chia
  • 1 pitada de sal rosa

Recheio:

  • 1/2 brócolis orgânico
  • 1/2 talo de alho poró orgânico
  • 1/2 xic. queijo de cabra “esfarelado”
  • 2 ovos orgânicos (claras em neve)
  • sal marinho à gosto
  • cebolinha à gosto

Modo de fazer:

Para o purê, cozinho a abóbora com casca no vapor (a polpa voltada para a água) e depois, retiro a polpa e amasso no garfo ou bato no processador.

Triture as amêndoas junto com o amaranto no liquidificador, para virarem uma farinha.

Junte todos os ingredientes da massa e amasse até ficar uma mistura homogênea. Se estiver muito mole ainda, acrescente mais amaranto (batido para virar farinha) até dar ponto para trabalhar a massa na assadeira. Ela fica úmida, porém não mole.

Unte com óleo de coco, uma assadeira pequena, de fundo removível. Vá distribuindo a massa aos poucos e ajeitando no fundo e nas laterais, deixando uma camada de espessura média (mais fina que na fotos ;| ). Se precisar, umedeça as mãos durante esse processo. Faça furinhos com o garfo na massa para não estufar quando pré assar.

Leve ao forno pré aquecido à 180 graus, por 45 minutos ou até dourar levemente.

Enquanto pré assa, prepare o recheio. Cozinhe o brócolis no vapor, deixando ‘al dente’ e depois corte-o em pequenos pedaços (flores e talos). Corte o alho poró em fatias finas e refogue-o em azeite até ficar macio. Junte o brócolis e o alho poró em um bowl, acrescente as gemas, o queijo de cabra e a cebolinha. Tempere com sal, misture e reserve.

Bata as claras em neve, ponto firme. Só misture as claras aos vegetais na hora de levar a torta novamente ao forno. Já com o recheio, asse por, aproximadamente, 20 minutos ou até dourar, cuidando para não queimar a massa.

Pronto! Agora é só degustar!

IMG_0981

IMG_0987

Enjoy! ;))

 

 

 

Quiche funcional de espinafre com ricota – massa de grão de bico!!

Acho a combinação quiche com salada perfeita!! E dá para fazer massas muuuito saudáveis, que levam pouca gordura e farinhas do bem.

Mas, eu queria mesmo, uma quiche que pudesse comer a noite sem culpa, que fosse mais leve, sem farinhas. Depois de algumas buscas nos meus livros de culinária e pela intarnet, resolvi fazer essa massa a base de grão de bico. Ficou surpreendente! Finíssima, macia e levemente crocante. Meu marido disse que parecia aquelas massas “podres” bem pouco saudáveis….

Aqui estão alguns benefícios do grão de bico: baixo índice glicêmico (IG); rica fonte de proteínas; alto teor de fibras; excelente fonte de manganês, molibdênio e triptofano (aminoácido relacionado à produção de serotonina, substancia que traz sensações agradáveis e bem estar).

Vale a pena experimentar!!

Quiche funcional de espinafre com ricota

  • Porções: 8
  • Dificuldade: easy
  • Imprimir

quiche espinafre 1

Ingredientes:

  • 1,5 xic. chá de grão de bico cozido
  • 1 col. sopa de amaranto em flocos
  • 1 col. sopa de farinha de linhaça dourada
  • 1 col. sopa de sementes de chia
  • 2,5 col. sopa de azeite de oliva
  • 1 col. chá de sal marinho
  • 1/4 xic. chá de água filtrada
  • 1 maço de espinafre orgânico picado
  • 2 xic. chá de ricota de búfala amassada com garfo
  • 1/2 talo de alho poró picado
  • 3 ovos
  • sal marinho
  • pimenta do reino
  • noz moscada ralada na hora
  • 2 col. sopa de queijo feta (ou outro de ovelha ou cabra) ralado

Modo de fazer:

Para a massa: o grão de bico deve ficar de molho em água por, no mínimo, 12 horas. Escorra e cozinhe até o grão estar macio.

Bata no liquidificador os grãos de bico com azeite, sal e a água. Transfira para uma tigela e acrescente o amaranto, a farinha de linhaça e a chia. Amasse com as mãos e, se precisar, acrescente um pouco de água, até dar o ponto. A massa deve estar homogênea e modelável, sem ficar grudando nas mãos.

Unte, com azeite, uma assadeira redonda de fundo removível. Coloque a massa no fundo e laterais da assadeira, em pedaços pequenos e vá emendando. A espessura pode variar conforme sua preferência, mais fina ou mais grossa. Reserve.

Para o recheio: Numa panela, refogue o alho poró com azeite até murchar, acrescente o espinafre e refogue também até murchar. Acrescente a ricota amassada e tempere com sal e pimenta à gosto. Coloque sobre a massa.

Numa tigela, bata com um mixer os ovos com uma col. sopa de água, sal e a noz moscada ralada na hora à gosto. Despeje sobre a ricota com espinafre, espalhando por toda a quiche. Polvilhe o queijo feta por cima.

Asse em forno médio pré aquecido, por 30 minutos aproximadamente, ou até o queijo feta estar dourado.

Sirva com salada.

Enjoy!

Lasanha de pupunha e cogumelos – sem massa – Naturalmente Saudável

Da série “jantares leves”, hoje temos a lasanha de pupunha com recheio de cogumelos, vegetariana, sem massa, sem glúten, sem lactose, com muuuuito sabor e, naturalmente, saudável!!

Lasanha de pupunha e cogumelos

  • Porções: 2
  • Dificuldade: easy
  • Imprimir

lasanha pupunha

Ingredientes:

  • 1 bandeja de shitake
  • 1 bandeja de shimeji
  • 1 bandeja de cogumelos paris
  • 2 col. sopa de biomassa de banana verde amolecida(receita em ‘base da culinária funcional’)
  • 2 bandejas de palmito pupunha cortado para lasanha (já compro assim)
  • salsinha e cebolinha orgânicas
  • sal trufado (opcional)

Modo de fazer:

Corte o shitake e paris em tiras finas e desmonte o shimeji em partes pequenas. Numa panela ampla, refogue os cogumelos em azeite e deixe cozinhar até secar quase toda água que formar. Tempere com sal marinho e o cheiro verde. Acrescente a biomassa e mexa bem. Reserve.

Em outra panela, com água fervente e sal, coloque o palmito por 1 minuto, retire e deixe escorrer. 

Para a montagem: unte um refratário quadrado ou retangular com azeite. Coloque a 1a camada de pupunha, salpique 1 pitada do sal trufado por cima (opcional) e coloque 1 camada de cogumelos; 2a camada de pupunha, sal trufado, 1 fio de azeite, cogumelos; 3a camada de pupunha, repita como a 2a; cubra com a última camada de pupunha. Coloque um fio de azeite, cubra com papel aluminio e leve ao forno por 25 minutos.

Enjoy!

PS: se você for usar o sal trufado, cuidado com as quantidades de sal (marinho e trufado) que utilizar em todas as preparações desse prato para não salgar demais!

 

Pamonha – o legítimo doce do milho – Naturalmente Saudável

Ontem à tarde bateu aquela vontade de comer pamonha….família reunida na chácara é sempre sinônimo de invenções na cozinha!! Saiu uma pamonha legítima, deiciosa e saudável, claro!

A cunhada Rafinha ajudou na execução e solucionou o problema de não termos palha boa e suficiente para embrulhar as pamonhas. Fizemos embaladas em filme de pvc (magipack) como ela tinha visto a Rita Lobo fazer ovos poché num programa de TV. Deu muito certo!!

Olha só como é fácil de fazer:

Pamonha

  • Porções: 11 a 12 unidades
  • Dificuldade: easy
  • Imprimir

pamonha

Ingredientes:

  • 6 espigas de milho
  • 1/2 copo de água
  • 1 xic. açúcar demerara (ou menos)
  • 1/2 xic. coco fresco ralado
  • 1 pitada de sal
  • canela em pó (opcional)

Modo de fazer:

Em uma panela grande, coloque água para ferver.

Debulhe o milho. No liquidificador, bata todos os ingredientes até obter um creme.

Para embrulhar: a forma tradicional é usando a palha; despeja um pouco do creme em cada palha e embrulha formando um pacotinho, amarra com barbante ou tiras da palha mesmo. Não domino bem essa técnica….

A forma como fizemos foi usando filme pvc (magipack); corte pedaços do filme de mais ou menos 15x15cm. Coloque o flime cortado numa xícara de chá, afundando um pouquinho. Despeje o creme no filme, junte as pontas fechando como uma trouxinha. Amarre com tiras da palha ou barbante.

Coloque os pacotinhos na água já fervendo. Cozinhe por 40 min ou até perceber que a massa está cozida.

Sirva quente ou fria. Pode polvilhar canela ou se preferir, queijo ralado.

Enjoy!

PS: olha a foto dos pacotinhos de magipack fervendo!

pamonha cozinhando

Waffle funcional de cenoura – naturalmente saudável

Ah, como queria fazer waffles saudáveis para o lanche da tarde!!! E ontem foi assim, estreando minha mais nova aquisição, a máquina de waffle! Saiu esse docinho e super funcional, ficou lindo e muuuito gostoso. Adorei! Já estou com mil idéias para os próximos….

Corre que ainda dá tempo de fazer para hj! Se não tiver a máquina, pode fazer em formato de panqueca americana (mais alta). Variedade na alimentação é fundamental!

Waffle funcional de cenoura

  • Porções: 1 grande
  • Dificuldade: easy
  • Imprimir

Waffle cenoura

Ingredientes:

  • 1/2 cenoura média
  • 1 ovo caipira
  • 2 col. sopa rasas de açúcar demerara
  • 5 gotas de essencia de baunilha orgânica
  • 6 amêndoas
  • 2 col. sopa de amaranto em flocos
  • 2 col. sopa rasas de farinha de banana verde
  • 1 col. sopa de biomassa de banana verde amolecida
  • 5 col. sopa de leite de coco caseiro
  • 1 col. chá de ghee (manteiga clarificada)
  • 1 col. café de fermento quimico
  • 2 bananas cortadas em rodelas, mel, amêndoas em lascas, goji berry e chia para colocar em cima

Modo de fazer:

No liquidificador, bata a cenoura, o ovo, o açúcar e a essencia. Acrescente as amêndoas, o amaranto, a farinha de banana, o leite de coco, a manteiga e a biomassa e bata novamente. Acrescente o fermento e pulse apenas para misturá-lo bem.

Despeje na máquina de waffle untada com óleo de coco e siga as instruções do fabricante para tempo e temperatura.

Se for fazer em formato de panqueca, coloque numa frigideira untada com óleo de coco e tampe. Depois vire para dourar do outro lado.

Coloque as bananas, o mel, as amêndoas, goji berry e chia por cima. Sirva quente.

Enjoy!

PS: você pode usar outras frutas, castanhas, geléias, ganaches ou o que mais a criatividade mandar!! Opte sempre pelo saudável!

PF de casa com filé de tilápia empanado – Naturalmente Saudável

Esse PF é uma explosão de nutrientes, cores e sabores!!

PF com peixe empanado

 PF 3

 

Salada de cenoura e beterraba raladas e pepino em palitos

Purê de inhame com mandioquinha feito da mesma forma que expliquei no PF anterior, usando também mandioquinha e o leite foi de coco e acrescentei uma colher de biomassa de banana verde

Catalonha refogada com alho e óleo de coco

Beringela da tia Bene: refogada com alho, azeite e tomates

Filé de tilápia (ou St. Peter) temperado com sal, limão, gengibre ralado e azeite, e empanado com uma mistura funcional de farinhas: 2 col. sopa de farinha de linhaça dourada, 2 col. sopa de amaranto em flocos, 2 col. sopa de farinha de coco e 1 col. sopa de gergelim. Apenas passe o peixe temperado nessa farinha, apertando um pouquinho para que fixe. Forre a assadeira com o que sobrou da farinha e asse em forno médio

As crianças comeram também arroz integral

Aí vai um close do peixe:

Peixe empanado

Perfeito!

 

 

 

Zucchini pasta – leve e deliciosa!! – Naturalmente Saudável

Adoro fazer esse “espaguete de abobrinha” para o jantar, acompanhando uma salada ou uma proteína ou até mesmo sozinho fica perfeito!!

Zucchini pasta

  • Porções: 2
  • Dificuldade: easy
  • Imprimir

IMG_0143

Ingredientes:

  • 3 abobrinhas italianas cortadas em tiras finas (não uso as sementes), como um espaguete (uso um cortador específico para esse corte, mas vc pode também cortar fatias finas no sentido do comprimento e depois fazer as tirinhas)
  • 6 tomates italianos maduros cortados em cubos pequenos
  • 1 dente de alho amassado
  • 1 pitada caprichada de açúcar demerara
  • folhas de manjericão
  • azeite
  • sal

Modo de fazer:

Primeiro faça o molho rústico: refogue o alho no azeite, acrescente os tomates picados, o sal, o açúcar e algumas folhas de manjericão. Mexa e deixe cozinhar por, aproximadamente, 15 minutos ou até o tomate estar cozido e com pedaços….rústico! Reserve.

Numa panela, coloque uma quantidade mínima de água (usei 3 col. sopa) e quando ferver, acrescente a  abobrinha, mexendo sempre para cozinhar por igual. Gosto da abobrinha ‘al dente’, então deixo por uns 2 minutos só.

Escorra a abobrinha e no prato tempere com sal e azeite. Sirva com o molho por cima e queijo parmesão ralado ou sementes de girassol ou  alguma castanha triturada.

Enjoy!

PS: O cortador que uso comprei nos EUA:

cortador legumes

 

Bolo funcional de fubá com goiabada – Naturalmente Saudável

Ontem a casa ficou perfumada com esse bolinho!!

Adaptei uma receita que já tinha feito e ficou delicioso! Fofinho demais…as crianças amaram!

E naturalmente saudável!

Bolo funcional de fubá com goiabada

  • Porções: 12 muffins
  • Dificuldade: easy
  • Imprimir

bolo fubá-001

bolo fubá 2-001

Ingredientes:

  • 1 xic. de fubá orgânico
  • 2 ovos
  • 1/2 xic. de açúcar demerara
  • 1/2 xic. de leite de coco caseiro
  • 2 col. sopa de farinha de amêndoas (basta processar amêndoas no liquidificador)
  • 2 col. sopa rasas de coco ralado (usei o fresco)
  • 1 col. sopa de biomassa de banana verde (opcional- deixa o bolo mais nutritivo e macio)
  • 1 col. sopa de ghee (manteiga clarificada)
  • 1 col. sopa rasa de fermento químico
  • goiabada orgânica cortada em cubos
  • óleo de coco para untar

Modo de fazer:

Unte as forminhas de muffin com bem ppouco óleo de coco. Se forem de silicone, unte somente o fundo.

Amoleça a biomassa com uma colher (sopa) do leite de coco. Reserve.

No liquidificador, coloque o fubá, os ovos, o açúcar, o leite de coco restante, a farinha de amêndoas e a ghee, bata até ficar homogêneo. Acrescente a biomassa e o coco ralado e bata mais um pouco.

Transfira para uma tigela e coloque o fermento. Mexa bem.

Distribua nas forminhas e coloque um cubo de goiabada em cada, afundando um pouco.

Leve ao forno pré aquecido à 200 graus por 25 minutos, aproximadamente, ou até o palito sair limpo (espete o palito mais na lateral, pois no centro terá goiabada).

Sirva quente ou frio.

Enjoy!

PS: Caso queira um bolo menos calórico, não use a goiabada! Pode colocar sementes de erva doce.

PS 2: Fique atento ao rótulo da goiabada ao comprar, escolha, se possível, uma orgânica e de ingredientes do bem!

PS 3: Você também pode fazer em forma de bolo comum ou de buraco.

Bolo de banana com amaranto – Naturalmente Saudável

Esse é meu bolo favorito!!! Muito saudável e muito delicioso! E faz o maior sucesso aqui em casa.

Fácil de fazer, basta ter os ingredientes especiais na despensa. Aí vai a dica, compro todas as farinhas, castanhas, sementes, frutas secas, grãos e cereais na Zona Cerealista de SP, gosto da qualidade e dos preços de lá. Você também pode encontrar em lojas de produtos naturais e até pela internet…..google!

Bolo da banana com amaranto

  • Porções: 6-8
  • Dificuldade: easy
  • Imprimir

IMG_0138

Ingredientes:

  • 3 bananas prata
  • 2 ovos
  • 1 col. sopa de óleo de coco
  • 1 col. sopa de ghee (ou manteiga)
  • 3/4 xic. de açúcar demerara
  • 1 xic. de amaranto em flocos
  • 1/2 xic. de farinha de maracujá
  • 1/2 xic. de castanha do pará triturada (triture um pouco a mais para colocar por cima)
  • 4 col. sopa de uva passa
  • 1 col. chá de canela em pó
  • 1 col. sopa de fermento químico

Modo de fazer:

Bata no liquidifaicador as bananas, os ovos, o óleo de coco, a ghee e acrescente, por último, o açúcar. Reserve.

Numa tigela, misture o amaranto, a farinha de maracujá, as castanhas, o fermento, a canela e as uvas.

Acrescente o líquido ao seco e misture bem. Despeje em forma de bolo antiaderente untada com um pouquinho de óleo de coco; se não for antiaderente, enfarinhar com farinha de maracujá.

Colocar o restante  da castanha triturada por cima. Assar em forno pré aquecido à 180 graus por uns 40 min.

PS: o teste do palito não funciona bem nesse bolo, pois ele é bem molhadinho.

Enjoy!

Panqueca de frutas vermelhas – Naturalmente Saudável

Essa panqueca foi um lanche da tarde perfeito! E pode ser também um delicioso café da manhã!

Abuse da criatividade, varie os recheios e até mesmo os ingredientes da massa e, depois, me conta como ficou!!

Panqueca funcional de frutas vermelhas

  • Porções: 2
  • Dificuldade: easy
  • Imprimir

IMG_9641

Ingredientes:

  • 1 ovo
  • 3 col. sopa de farinha de coco
  • 1 col. sopa de farinha de arroz
  • 1 col. sopa de farinha de linhaça dourada
  • 1 col. chá de açúcar mascavo
  • 3 gotas de essencia de baunilha orgânica
  • 60ml de leite de coco caseiro 
  • frutas vermelhas – usei framboesa, morangos e mirtilos
  • geléia de morango sem açúcar
  • mel (opcional)

Modo de fazer:

Bata tudo com um mixer. Numa frigideira untada com ghee (manteiga clarificada), espalhe 1/2 da massa, depois vire.

Cobri com um pouquinho da geléia, as frutas e um fio de mel.

Deliciosa!!!

PS.: As frutas vermelhas são excelentes antioxidantes!

 

%d blogueiros gostam disto: